Biografia

Biografia

Dr. Vincenzo Langerame
Cirurgião ortopédico
ecialista em técnicas cirúrgicas mini-invasivas
Articulação do pé e tornozelo

Curriculum vitae de formação e profissional

1972/1978: licenciatura em medicina e cirurgia na Universidade “La Sapienza” em Roma;

1979/1981: exame do estado para o exercício da profissão de médico cirúrgico e diploma de especialização em Ortopedia e traumatologia na mesma universidade.

1982/1991: período de treinamento de cerca de dez anos em traumatologia esportiva, especialmente cirurgia artroscópica do joelho, e depois ombro e tíbia társica. A cirurgia protética começou a se estabelecer em tratamentos para corrigir problemas artroscópicos degenerativos.

A frequência de cursos teóricos e práticos aumentou minha bagagem de conhecimento cirúrgico.

1992/2005: Saí do hospital público para trabalhar em particular, organizei um dos meus grupos cirúrgicos que lidavam com todo o campo da patologia ortopédica, com interesse cirúrgico. Eu trabalhei em várias clínicas no norte e sul da Itália, preferindo longe patologias ligamentares e meniscais de origem esportiva: jogadores de futebol, jogadores de basquete, etc.

Participei de cursos práticos como laboratórios de cadáveres, intensifiquei a amizade e a frequência em centros cirúrgicos ortopédicos, especialmente na Espanha e nos EUA.

2005/2010: parênteses profissionais no exterior com compromissos em vários hospitais do Reino Unido, Líbia e Emirados Árabes Unidos. Experiências não particularmente excitantes, mas ditadas pelos problemas daquele período em particular!

2011/2018: enfim, dedico-me exclusivamente à cirurgia do pé, ou melhor, à cirurgia dolorosa do pé, abordando todos os problemas do antepé, à luz das técnicas minimamente invasivas, que tiveram tanto sucesso e continuam a ter com os pacientes, que com crescente confiança, eles abordam essas soluções cirúrgicas. Continuo a participar tão entusiasticamente em congressos e reuniões e laboratórios de cadáveres, o último dos quais em Boston em julho de u.s. Atualmente tenho muito trabalho, e os resultados que recebo me dão tanta força na busca dessas novas motivações. A ideia de poder trabalhar em Portugal realmente me conquistou!

Eu sou membro da AOFAS (Sociedade Americana de Pé e Tornozelo Ortopédicos), EFAS (Sociedade Europeia de Pé e Tornozelo), SICP (Foot Surgery Society).

Passatempos: mar, viajar!

A cirurgia é o único meio capaz de atuar sobre as causas da deformidade e, ao mesmo tempo, restaurar tanto a estética quanto a funcionalidade do pé.
Nunca antes para o tratamento desta deformidade, muitas técnicas cirúrgicas foram estudadas, todas visando a correção da deformidade e o equilíbrio das forças de tração envolvidas devido à própria deformidade.

Dr. Vincenzo Langerame Cirurgião ortopédico